Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2013

A "arte" de não ler

Imagem
De nada adianta ir a Faculdade e não aprender. Daí?  De nada vale ir a Faculdade e não fazer escolhas (facultare).

1) Tem quem não aprende nada.

2) Tem quem só concorde repetindo burramente os seus professores.

3) Tem quem discorde. Ainda que no início da estrada, este está nela e caminhando.

Se na academia usa-se a razão, então vale para ela a mesma regra de leitura de qualquer livro onde se possa aprender algo.

“É preciso separa preconceito e julgamento [...] Partindo da posição madura de discordar [...] você acha possível demonstrar que o autor está equivocado em algum ponto, então será preciso conduzir a controvérsia segundo três condições: 1) verifique se suas razões não são na verdade emoções que, de algum modo estão presentes, ainda que inconscientemente numa espécie de disputa e não baseadas puramente em argumentos. 2) verifique se seus pressupostos não estão contaminados de preconceitos. ‘A boa controvérsia não deverá ser uma disputa em torno de pressuposições’ (p. 152). 3) …

Sobre a fé a ciência: Divagações

Imagem
O poder corrompe o coração de quase todo homem (disse quase). É algo muito forte e sedutor.  Aos poucos ele vai se entregando de modo sutil e quase imperceptível (disse quase de novo).
(Leonardo Martins)


A ciência perguntou ao cristianismo. – Diante da tragédia humana onde está o seu deus e a sua compaixão? O cristianismo respondeu. – No mesmo lugar onde encontra-se a sua ética e sua justiça social, no coração do homem.
(Leonardo Martins)


Contar para uma criança que a Vovó saiu viva da barriga do Lobo pode. Que Jonas saiu vivo da barriga do peixe não pode. Ah! entendi ...

Que o Lobo Mau falou com a Chapeuzinho e a Vovó pode. Que a jumenta falou com Balaão não pode. Sei ...

Dizer que papai Noel entra pela chaminé (que nem temos) pode. Dizer que Jesus pode entrar no coração não pode. Tá bom ...

O adulto religioso continua contando suas histórias sub o prisma da fé, do dogma, da tradição e do que mais se queira acrescentar. Sob qual prisma continua contando suas histórias o adulto racio…